Notícia

Ministério do Planejamento faz recomendações para contratação de serviços de computação em nuvem

10/11/2016 18:19

As orientações do Ministério do Planejamento para a contratação de serviços de computação em nuvem na Administração Pública Federal foram apresentadas pelo coordenador-geral de serviços de infraestrutura do MP, Waldeck Pinto de Araújo Junior. O palestrante mostrou resultados do trabalho feito com os órgãos que compõem o Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação (SISP), estrutura do governo federal que coordena a área de TI na administração direta, autárquica e fundacional. Esses resultados foram divulgados em maio deste ano, no manual “Boas práticas, orientações e vedações para contratação de Serviços de Computação em Nuvem”. 

Segundo Waldeck, o levantamento identificou uma preferência pela implementação de nuvem interna. No entanto, o ministério publicou recomendações que incentivam a adoção de modelos de nuvem híbrida e pública. “Para obter mais eficiência e redução de custos, essa economia não vai ocorrer na adoção de uma infraestrutura de nuvem privada. A redução na ociosidade só é possível no compartilhamento de nuvem pública, uma vez que o cliente paga apenas pelo que ele usa”, explicou o gestor.

O palestrante ainda destacou a agilidade como principal benefício no uso de serviços na nuvem, pela alta disponibilidade, elasticidade e melhor experiência de uso. “Entendemos que é a computação em nuvem é um modelo irreversível e atraente, que rompeu uma barreira de entrada para os serviços de TI, pois o cliente paga apenas pelo que usa”, declarou.

Acesse aqui o manual do Ministério do Planejamento.